Súbita, vídeoinstalação 

Centro Cultural São Paulo - Mostra do Programa de Exposições 

Jaque Jolene tem um encontro inesperado, causado pela aparição súbita de uma antiga persona, trazendo a tona uma intimidade subterrânea.
Jaque Jolene has an unexpected encounter caused by the sudden appearance of an old persona, bringing up an underground intimacy.

"Uma espécie de prótese de si mesma, esquecida e antecipada, o duplo vintage futurístico de Jaque Jolene – que emula a arquitetura do CCSP – demonstra o desespero caleidoscópico de reformulação de si a partir da constante oscilação entre o encontro com a cidade de São Paulo e a fuga dessa realidade urbana na tentativa de fazer algum sentido dela." 
Daniela Castro

"Quando convidei Jaque Jolene para essa proposta no Centro Cultural São Paulo, nem imaginávamos o que poderia acontecer, o que encontraríamos. Sempre trabalhei com site especific, mas dessa vez me deparei com um cenário carregado de memória. Logo que Jaque entrou no espaço se identificou com as histórias presentes nas paredes de concreto. Aprofundando essa relação, descobriu no subterrâneo sua real ligação com o prédio."
Márcia Beatriz Granero

Exibições/ Exhibitions
Ibrida Festival arti intermediali, Forlí, Itália;
Maratona de Performances na Da Haus, São Paulo, Brasil.

Súbita